Mais de 400 crianças na rua

Luanda tem mais de 400 crianças “em situação de rua”, espalhadas em vários focos da cidade, informou, ontem, o director-geral do Instituto Nacional da Criança (INAC).

Paulo Kalesi, que falava à margem do V Encontro do Grupo Temático de Protecção da Criança em Situação de Rua, disse que esta realidade não está apenas associada a problemas económicos de muitas famílias, mas também à negligência por parte de muitos pais.

O director-geral do INAC afirmou que muitas crianças preferem viver na rua porque os pais “não contribuem para a harmonia dos filhos”.
Em relação aos crimes cometidos por menores, Paulo Kalesi frisou que, de acordo com as informações colhidas, muitas são instrumentalizadas por adultos.
O V Encontro do Grupo Temático de Protecção da Criança em Situação de Rua, referiu, vai permitir avaliar a real situação dos menores para encontrar soluções.
Uma das soluções para a recuperação das crianças em situação de rua é a especialização dos centros de acolhimento de acordo com a idade, sexo e das motivações à fuga do seio familiar.

FONTE:JA


Categoria:Internacional