Antigo Ministro senegalês da Economia e Finanças nomeado vice-presidente do Banco Mundial

Depois de seis anos como chefe da Região africana, onde geria uma carteira de 70 bilhões de dólares, Makhtar Diop, antigo Ministro senegalês da Economia e Finanças, foi nomeado vice-presidente do Banco Mundial para a infra-estrutura. A vice-presidência inclui as áreas de transporte e da economia digital, a energia e o sector extractivo e financiamento de infra-estrutura e parcerias público-privadas (PPP).


De acordo com um comunicado do Banco Mundial, nesta recém-criada posição estratégica, Makhtar Diop será responsável pelos investimentos globais do Banco em infra-estrutura e desenvolvimento de soluções sustentáveis para colmatar a lacuna no sector de infra-estruturas em países emergentes e em desenvolvimento.

De referir, que, nos últimos seis anos, Makhtar Diop tem sido fundamental na mobilização de financiamento privado para apoiar o desenvolvimento de infraestrutura na África, promovendo ecossistemas de inovação e acelerando a adopção de novas tecnologias. Campeão de energias renováveis, Makhtar Diop também incentivou investimentos nesta área, bem como interconectividade regional nos setores de energia e transporte.

Makhtar Diop assumirá sua nova posição em 1º de julho de 2018, traz para este post seu profundo conhecimento de questões complexas relacionadas ao desenvolvimento de infra-estrutura. Actuou como Director das Finanças no setor privado e infraestrutura na América Latina e no Caribe. Também desempenhou o cargo de director de operações do Banco Mundial para o Brasil e de director de operações do Quénia, Eritreia e Somália. “Reconhecido pela sua liderança, ele foi nomeado como um dos africanos mais influentes no campo do desenvolvimento económico e social“


FONTE: CORREIO DA KIANDA


Categoria:Internacional

Deixe seu Comentário